SÉRIE ONLINE DO CONNECTED SMART CITIES E MOBILITY DEBATE SOBRE MOBILIDADE INTELIGENTE (QUINTA- 21/05)

A iniciativa debaterá sobre eletromobilidade e a universalização de carros elétricos no Brasil e contará com a participação de representantes da  ABDI, Siemens Brasil, GIZ – Cooperação Alemã e do ITDP

Nesta quinta-feira (21 de maio de 2020), das 10 às 12h, as Plataformas Connected Smart Cities e Mobility, iniciativas da Necta, realizam o 4º Bloco da série online Mobilidade Inteligente, que terá abordagem sobre a eletromobilidade e a universalização de carros elétricos no Brasil. O bloco destacará, ainda, pontos sobre a oferta, demanda e velocidade da eletrificação, buscando enfatizar quando esse mercado será popular.

Participam da edição: o presidente da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), Igor Calvet; o diretor de projeto da GIZ – Cooperação Alemã, Jens Giersdorf; o CEO de Smart Infrastructure da Siemens Brasil, Sérgio de Oliveira Jacobsen; e a diretora executiva do Instituto de Políticas de Transporte & Desenvolvimento (ITDP), Clarisse Cunha Linke.

A idealizadora do Connected Smart Cities e Mobility e CEO da Necta, Paula Faria, enfatiza que o tema mobilidade inteligente ganhou ainda mais importância no contexto da Covid-19, pois vem fazendo com que governos e empresas busquem alternativas sustentáveis, já considerando o cenário mundial pós-pandemia e o “novo normal”.

“A série vem abordando temas diversos no contexto da mobilidade inteligente, como a  mobilidade corporativa, por exemplo. No bloco 4, no contexto da eletromobilidade e da universalização de carros elétricos no país, teremos um debate amplo e que irá trazer  reflexão sobre inovação, sustentabilidade e inovação digital, além de sociedade digital, o novo consumidor e o mercado pós Covid-19, destacando como sobreviver com tantas mudanças e, ainda, o futuro do automóvel”, disse.

PROGRAMAÇÃO SÉRIE MOBILIDADE INTELIGENTE

Blocos já realizados

Bloco #01 | Mobilidade inteligente e a indústria automobilística

Bloco #02 | Mobilidade para as pessoas: vamos falar de mobilidade corporativa?

Bloco #03 | Mobilidade inteligente e os veículos elétricos  – teoria e prática da universalização dos veículos elétricos

Os conteúdos dos blocos já realizados estão disponíveis em: https://bit.ly/2zTSKkS

Demais blocos

21/05 – Bloco #04 | Eletromobilidade e a universalização de carros elétricos no Brasil – oferta, demanda e velocidade da eletrificação: quando o mercado será popular?

10/06 – Bloco #05 | Tendências para a mobilidade inteligente – inteligência artificial, mobilidade aérea urbana, drones, carros autônomos: realidade próxima ou futuro distante?

25/06 – Bloco #06 | O setor de transporte e a transição para a mobilidade inteligente – mobilidade inteligente e o transporte público

A Programação completa está disponível em: https://bit.ly/2ZiEuNn

Link do evento e inscrições gratuitas: https://connectedsmartmobility.com.br/evento-online/

Fonte: Assessoria de Comunicação e Imprensa do Connected Smart Cities e Mobility

Últimas Matérias

TURISMO SUSTENTÁVEL

O setor é responsável por 10% do PIB e conta com 1,2 bilhões de turistas anualmente O Smart Sustainable Tourism for Development é conceito caracterizado...

EMPREENDEDORISMO EM SMART CITIES

O fomento ao empreendedorismo e a inovação tecnológica pode ser a solução para as cidades melhorarem estatísticas.   Nunca foi tão importante discutir empreendedorismo como neste...

LONGEVIDADE EM SMART CITIES

Como cidades humanas, resilientes e inclusivas devem se adaptar ao cenário do envelhecimento crescente da população.   De acordo com a segunda edição do Índice de...

ARTIGO PAULA FARIA – EMBAIXADORA MOBILIDADE ESTADÃO: ENCURTAR DISTÂNCIAS É UM DOS GRANDES DESAFIOS DA MOBILIDADE

Mais que melhorar a experiência ou a rapidez com que as pessoas atravessam a cidade, mobilidade urbana significa acesso a oportunidades *Por Paula Faria  “Como sair...

CENSO MOSTRA QUE ENSINO A DISTÂNCIA GANHA ESPAÇO NO ENSINO SUPERIOR

Em 2009, as matrículas dos calouros em EaD representavam 16,1% do total. Em 2018, elas representavam 39,8% do total de estudantes que ingressaram nas...