Bloco #2: As PPPs de IP como plataforma para as Cidades Inteligentes

Questões a serem abordadas: – Que benefícios e serviços um projeto bem estruturado de PPP de IP pode gerar para os municípios? – Quais os desafios para a viabilização (econômica, operacional, comercial, jurídica etc.) de PPPs de IP que sejam capazes de funcionar como plataformas para as cidades inteligentes?

Este bloco é parte da SÉRIE ONLINE – Investimentos no Setor de Iluminação Pública da plataforma Connected Smart Cities.

Conheça a plataforma: https://www.connectedsmartcities.com.br/
Conheça nossas séries e eventos: https://evento.connectedsmartcities.com.br/

Publicidade

Últimas Matérias

PA RECEBE EVENTO PARA DEBATER PLANO DE CIDADE INTELIGENTE DE BELÉM

O Encontro Regional Belém apresentará o Plano de Desenvolvimento de Cidades Inteligentes para a capital paraense e indicadores do Ranking Connected Smart Cities No próximo...

ENEL X E PLANET SMART CITY LANÇAM PARCERIA ESTRATÉGICA NO BRASIL PARA INTEGRAR SOLUÇÕES INTELIGENTES EM RESIDÊNCIA E CIDADES

A parceria da Enel X e Planet Smart City fornecerá soluções inteligentes inovadoras para projetos em todo Brasil Enel X, a linha de negócios do Grupo...

LABORATÓRIO DE AÇÃO DIRETA PARA A MOBILIDADE A PÉ ESTÁ COM INSCRIÇÕES ABERTAS

Inciativa do Laboratório de ação direta para a mobilidade a pé é destinada para grupos de todo o Brasil O Lab.MaP (Laboratório de ação direta...

A TECNOLOGIA COMO FATOR DE IGUALDADE NA MOBILIDADE

Novas plataformas devem permitir que os cidadãos confiem plenamente nos serviços de mobilidade, reduzindo a dependência dos transportes privados e garantindo sustentabilidade e eficiência...