BOSCH É RECONHECIDA NA 4ª EDIÇÃO DO PRÊMIO WEPS BRASIL 2021

A Bosch está entre as empresas vencedoras da 4ª edição do “Prêmio WEPs Brasil 2021 – Empoderando mulheres”, e conquistou o reconhecimento Bronze na categoria “Empresa de Grande Porte”. O WEPs tem como objetivo incentivar e reconhecer os esforços das empresas que promovem a cultura da equidade de gênero e o empoderamento da mulher no Brasil, como um dos pilares para um crescimento sustentável, inclusivo e equitativo. A premiação foi realizada no dia 21 de junho, de forma on-line, no canal do YouTube da ONU Mulheres.

Esse reconhecimento é resultado da parceria entre a ONU Mulheres, a Organização Internacional do Trabalho (OIT) e empresas públicas e privadas de diferentes portes, e tem como guia norteador os Princípios de Empoderamento das Mulheres (WEPs – Women’s Empowerment Principles), lançado pelo Pacto Global da ONU e a ONU Mulheres em 2010.



 

“O Prêmio WEPs é uma excelente fonte de aprendizado na nossa jornada rumo à equidade de gênero, por este motivo é tão importante receber essa distinção. É com base no que já conquistamos e no que ainda precisamos melhorar, que trabalhamos em um planejamento positivo das nossas ações com foco na equidade de gênero e no empoderamento das nossas colaboradoras”, afirma Graziele Bassi, especialista de recursos humanos da Bosch América Latina.

 

Iniciativas que apoiam a igualdade de gênero

 

Em 2019, a Bosch se comprometou a acolher os sete princípios de empoderamento das mulheres quando o presidente da Robert Bosch América Latina, Besaliel Botelho, assinou a declaração global da ONU em apoio à promoção de igualdade entre mulheres e homens. Além disso, a empresa trabalha para que não haja disparidade salarial ou hierárquica definida por gênero e desenvolve um programa de mentoria, que identifica e prepara mulheres que demonstrem interesse e que tenham o perfil para ocupar cargos de liderança.

 

Atualmente, 18% das mulheres da Bosch Brasil ocupam cargos de liderança e o objetivo é aumentar o número de participação das mulheres em cargos de gerência para 20% até 2023. “Os principais segmentos de negócios em que atuamos ainda tem uma predominância de mão de obra masculina. Dar oportunidades para mulheres e incentivar a liderança feminina é um desafio grande, mas possível e a Bosch está globalmente engajada com este tema”, diz Graziele.

 

A empresa também realiza ações que apoiam mulheres em suas decisões de carreira, como: jornadas flexíveis de trabalho, trilha de conhecimentos, treinamentos exclusivos para o desenvolvimento da liderança feminina, um programa de apoio às mulheres que retornam da licença-maternidade e rodas de conversa sobre empoderamento feminino.

 

Além disso, a Bosch também implementou a Kinderhaus (Casa da Criança, em alemão), creches especialmente desenvolvidas para atender os filhos dos colaboradores das unidades de Curitiba e Campinas, inauguradas respectivamente em 2016 e 2020. O projeto visa proporcionar mais equilíbrio entre a vida pessoal e profissional, especialmente das mulheres que se sentem divididas entre a profissão e a maternidade após o nascimento de um filho.

Com informações da Assessoria de Imprensa

CLIQUE AQUI E ACESSE OUTRAS MATÉRIAS SOBRE TENDÊNCIAS
Publicidade
spot_img
spot_img

Últimas Matérias