CÂMARA DE COMÉRCIO BRASIL-CANADÁ É PARCEIRA DO CONNECTED SMART CITIES 2019

Pelo 4º ano, a Câmara de Comércio Brasil-Canadá (CCBC) apoia o mais importante evento de cidades inteligentes do Brasil. O Connected Smart Cities 2019 será realizado nos dias 17 e 18 de setembro de 2019, em São Paulo.

Em sua 5ª edição, o Connected Smart Cities será realizado nos dias 17 e 18 de setembro de 2019, em São Paulo. Pelo quarto ano, a iniciativa conta com o patrocínio da Câmara de Comércio Brasil-Canadá (CCBC). A CCBC reúne empresas brasileiras e canadenses operando nos principais segmentos econômicos e tem por objetivo estimular, apoiar e expandir as relações de comércio e investimentos entre empresas privadas no Brasil e Canadá, além de promover o intercâmbio cultural e tecnológico entre os dois países.

Para falar sobre a parceria com o Connected Smart Cities, evento nacional que reunirá especialistas, entidades, empresas e governos e apresentará as melhoras práticas para uma cidade inteligente, entrevistamos o diretor de relações institucionais da Câmara de Comércio Brasil-Canadá (CCBC), Paulo de Castro Reis.

Confira a entrevista com o diretor da CCBC, Paulo de Castro Reis, sobre o Connected Smart Cities, que conta sobre os resultados práticos que a entidade conquistou em edições anteriores do evento.

Connected Smart Cities: Por que participar mais uma vez do Connected Smart Cities e quais as expectativas para a edição 2019?

Paulo de Castro Reis: Participar de mais uma edição do Connected Smart Cities é uma grande oportunidade para incentivarmos a criação de projetos inovadores e eficientes nos municípios brasileiros. Conseguimos mapear na Câmara de Comércio Brasil-Canadá (CCBC) iniciativas de destaques nas cidades canadenses, o que  poderá resultar ainda mais na promoção  do intercâmbio de conhecimento e de negócios entre as nações. Como patrocinadores e articuladores de projetos como o Connected Smart Cities, que buscam soluções tecnológicas para o setor, queremos nos aproximar ainda mais das prefeituras e de outros agentes, tendo como objetivo a criação de cidades mais inteligentes aqui no Brasil.

É importante ressaltar, ainda, que a CCBC sempre busca participar de iniciativas como o Connected Smart Cities, que trazem boas práticas não só para o mercado, como também para as esferas governamentais, para ajudar cada mais no processo de desenvolvimento das cidades brasileiras inspirados no contexto de eficiência canadense.

Connected Smart Cities: Qual a relação entre a atuação da entidade com o Connected Smart Cities e com o tema cidades inteligentes?

Paulo de Castro Reis: Considerando que o Brasil ainda está caminhando no quesito de cidades inteligentes, é preciso inspirar-se em modelos que estão se destacando internacionalmente pela gestão da tecnologia agregada a eficiência nas cidades. Neste contexto, o Canadá vem mostrando como é possível tornar-se um dos maiores players mundiais no quesito de inovação. Como a CCBC que identifica oportunidades de negócios entre Brasil e o Canadá não poderíamos ficar de fora quando o assunto é buscar caminhos e referências no cenário canadense para ter um País mais inovador.

Connected Smart Cities: A CCBC desenvolveu alguma iniciativa/projeto a partir das ações do Connected Smart Cities?

Paulo de Castro Reis: Nas quatro edições que participamos do Connected Smart Cities, conseguimos apresentar o Canadá como uma das principais referências em tecnologia e inovação, cujas cidades brasileiras podem e devem se inspirar. Neste contexto, nossa aproximação foi bem positiva com as prefeituras, visto que, por meio desse relacionamento conquistado no Connected Smart Cities, tivemos como resultado a realização diversas missões especiais, onde levamos comitivas de cidades brasileiras para o Canadá com a intenção de fomentar ainda mais a aproximação dos dois países e trazer novidades para o cenário brasileiro.

SAIBA MAIS SOBRE O CONNECTED SMART CITIES 2019

DESTAQUES

Parceria 100 Open Startups
Por meio da parceria com a plataforma 100 Open Startups, o Connected Smart Cities 2019 contará com o CSC Startup Hub, espaço voltado para a participação de startups. A iniciativa tem o propósito de promover a participação destas organizações com propostas para transformar as cidades brasileiras.

Ranking Connected Smart Cities
Em sua 5ª edição, o Ranking Connected Smart Cities tem como objetivo definir as cidades com maior potencial de desenvolvimento no Brasil, sendo dividido em quatro resultados: Geral, por Eixo Temático, Região e por Faixa Populacional. O Ranking é composto por indicadores de 11 principais setores: mobilidade, urbanismo, meio ambiente, energia, tecnologia e inovação, economia, educação, saúde, segurança, empreendedorismo e governança, mesmos eixos temáticos do evento Connected Smart Cities. Para acessar os indicadores do Ranking  2018, CLIQUE AQUI!  

Prêmio Connected Smart Cities 2019
O Connected Smart Cities contempla também o Prêmio Connected Smart Cities, nas categorias operacionais e pré-operacionais. A premiação reconhece iniciativas de organizações que apresentem negócios inovadores e que contribuam com a resolução de problemas, com o objetivo de tornar as cidades mais inteligentes, conectadas e humanas. CLIQUE AQUI e acesse o resultado da edição 2018!        


Connected Smart Cities | Evento Nacional
Data:
 17 e 18 de setembro de 2019
Local: Centro de Convenções Frei Caneca, Rua Frei Caneca, 569, Consolação, São Paulo/SP


VOCÊ JÁ SE INSCREVEU NO EVENTO MAIS IMPORTANTE DE CIDADES INTELIGENTES DO PAÍS?
CLIQUE AQUI E GARANTA A SUA PARTICIPAÇÃO! 

Últimas Matérias

LONGEVIDADE EM SMART CITIES

Como cidades humanas, resilientes e inclusivas devem se adaptar ao cenário do envelhecimento crescente da população.   De acordo com a segunda edição do Índice de...

ARTIGO PAULA FARIA – EMBAIXADORA MOBILIDADE ESTADÃO: ENCURTAR DISTÂNCIAS É UM DOS GRANDES DESAFIOS DA MOBILIDADE

Mais que melhorar a experiência ou a rapidez com que as pessoas atravessam a cidade, mobilidade urbana significa acesso a oportunidades *Por Paula Faria  “Como sair...

CENSO MOSTRA QUE ENSINO A DISTÂNCIA GANHA ESPAÇO NO ENSINO SUPERIOR

Em 2009, as matrículas dos calouros em EaD representavam 16,1% do total. Em 2018, elas representavam 39,8% do total de estudantes que ingressaram nas...

SMART MOBILITY

Com a pandemia do coronavírus, soluções de mobilidade individual se tornaram mais atrativas De acordo com dados da Associação Nacional dos DETRANS, o Brasil possui uma...

PROJETO DO GOVERNO CRIA MARCO LEGAL DAS STARTUPS E DO EMPREENDEDORISMO INOVADOR

Os objetivos do governo com a proposta incluem fomentar esse ambiente de negócios; aumentar a oferta de capital para investimento em startups; e disciplinar...